Fio de Ariadne: Temperinhos pra viver

20 agosto 2013

Temperinhos pra viver



Acho a vida mais bonita nos detalhes. Sempre gostei de apreciar as miudezas. Sou do tipo que para pra ver as flores no caminho, dou risada da criança que ensaia os primeiros passinhos e fico horas ouvindo as histórias da velhinha na praça. É disso que é feita a vida. Uma mistura de ingredientes casuais que dão muito mais sabor ao prato.

Por vezes, uma avalanche de modernidade nos ataca e tenta roubar o ponto da receita, parece que vai desandar. Trânsito demais, trabalho demais, decepções demais, problemas demais. Um milhão de pensamentos por minuto. O excesso de sal faz a vida perder o gosto.

Sempre que sinto os exageros me tomando, vou lá e meço tudo de novo. Às vezes é preciso se esvaziar pra sentir-se pleno. E as pequenas belezas do mundo, por mais que pareçam escondidas no recheio, fazem toda a diferença no gostinho final.

Olhar ao redor não significa perder o foco. Dá pra conquistar tudo o que a gente quer sem perder a capacidade de encantar-se com o que acabou de acontecer aqui ao lado. Aconteceu, passou, a vida seguiu com todos os seus compromissos chatos, mas, pra quem viu, agora ela tem muito mais doçura e está bem mais leve de carregar.

Nenhum comentário :